O robô Scarlett Johansson é o Futuro robótico da objetivação de mulheres


Antes de entrarmos na matéria, entenda que objetivação é um substantivo feminino com seguinte significado: 1 – ato ou efeito de objetivar. 2 – no hegelianismo*, processo no qual o espírito humano experimenta uma alienação de sua real natureza subjetiva, projetando-se em objetos e construindo a realidade externa.

E entenda também hegelianismo: filosofia do alemão Georg Friedrich Hegel e de seus seguidores, segundo a qual o universo é uma totalidade integrada, sujeita a um movimento gerado por sucessivas contradições, a dialética, e orientada para uma finalidade última, que equivale à realização plena de sua essência espiritual.

Um robô em tamanho natural chamado "Mark 1"

Um robô em tamanho natural chamado “Mark 1”, construído pelo produtor e designer gráfico Ricky Ma, 42 anos , é visto em Hong Kong. Os olhos do robô incluem as funções de reconhecimento facial e de cores. Foto: Bobby Yip / REUTERS

Como a robótica e as tecnologias de impressão 3-D se tornaram mais acessíveis aos pensadores caseiros, os homens estão (é claro) construindo robôs de mulheres bonitas. Qualquer um que se ligou na TV durante a década passada não deve se surpreender ao saber que um dos primeiros e mais arrepiantes exemplos desse desenvolvimento envolve estrela de cinema Scarlett Johansson.

A notícia é sobre um designer de Hong Kong, que fez um robô parecido com a premiada atriz, embora Ricky Ma, criador do robô, não ter dado o nome da atriz que ele modelou o robô, optando por chamá-lo de Mark 1. Levou dezoito meses e mais de US $ 50.000 para completar o projeto, que ele construiu em seu pátio com uma impressora 3-D e um software que ele mesmo ensinou como usar.

A questão, todavia, é um dos precedentes. Se um homem não pode ganhar a atenção da mulher que ele almeja, é plausível para esse homem construir um robô que se parece exatamente com seu interesse amoroso? Não existe nenhum recurso legal para impedir que alguém construa um robô ScarJo, ou um robô Beyonce, ou de um robô parecido com você? Claro, as pessoas fazem réplicas em boneca de cera das pessoas famosas o tempo todo. Mas a diferença aqui é que Mark 1 se move, sorri e pisca.

“Isso começa animador, mas, de repente, por alguma razão, a sensação é uma tanto invasiva”, disse Ryan Calo, professor de direito na Universidade de Washington. “Se [Ma] estiver ganhando comercialmente com toda essa notoriedade, sem dúvida, Scarlett Johansson poderia quase certamente processá-lo.”

Esta não é a primeira vez que alguém constrói um robô que se assemelha a uma celebridade. Como Calo observa em um artigo recente, a Samsung publicou uma série de anúncios no início da década de 1990 que mostra um robô em um vestido extravagante e uma peruca loira que estava virando cartas em uma parede no que era uma representação clara de Vanna White, estrela da Roda da Fortuna, mesmo que o robô tinha uma cara de metal. White processou e ganhou, mostrando que “a Samsung gastou muito dinheiro com os anúncios, e que eles também pagavam Morton Downey Jr. um monte de dinheiro para estar nos outros anúncios”, diz Calo.

Era a mesma história com dois robôs que se pareciam com Cliff e Norm do seriado Cheers que foram instalados num bar de um aeroporto. John Ratzenberger e George Wendt, os atores que interpretaram os personagens, também processaram, em um caso que foi resolvido depois de chegar ao Supremo Tribunal.

Mas Ma fez o robô em sua casa e não necessariamente lucrou. “Então, aqui Scarlett Johansson pode enfrentar uma negativa pela Primeira Emenda”, disse Calo. Ainda assim, de acordo com a Reuters, Ma não espera que um investidor vá comprar o seu robô, que poderia dar a Scarlett Johansson motivos mais claros para tomar medidas legais.

O robô Mark 1 não é tão inteligente. Ela possui apenas algumas respostas enlatadas para entreter o seu interlocutor. No entanto, quando você diz que ela é linda, os cantos de sua boca levantam em um leve sorriso e as sobrancelhas relaxam como se ela estivesse constrangida ao aceitar o elogio. A expressão é extremamente realista.

E, na realidade, não é difícil fazer uma réplica. A coleção de bonecas American Girl permite que qualquer pai ou mãe faça uma réplica realista da aparência de seu filho. Isso certamente não é ilegal. Outros laboratórios de robótica fizeram réplicas mais meticulosas de seres humanos, principalmente o Laboratório Hiroshi Ishiguro no Japão, um dos mais avançados e bem financiados laboratórios de robótica do mundo. O que faz de Ma tão notável como doutor Frankenstein com sua invenção é que ele construiu ela seu apartamento.

“Não há dúvida de que, como a tecnologia robótica democratizada, vamos ver um aumento nas tentativas de fazer a sua própria Kim Kardashian personalizada, por exemplo”, diz o professor de Direito Margot Kaminski da Universidade de Ohio. “E também não há dúvida em minha mente que isso terá um componente de gênero. Siri é uma mulher, Cortana é uma mulher; se existem robôs para realizar trabalho ou atendimentos pessoais, há uma boa chance de que eles vão ser mulheres.”

Esta não é a primeira vez que os homens tentam chegar perto de Johanssen. A Cyber-Stalker que cortou seu computador e roubou fotos nuas da atriz foi jogado na prisão por 10 anos em 2012. Neste caso, no entanto, Johansson está literalmente sendo objetivado. Como AI avança e tecnologia robótica cresce mais barato e mais fácil de criar em casa, outras mulheres podem em breve sei o que se sente ter um estranho própria e controlar uma versão deles.

Fonte: Wired

Anúncios

Participe da discussão

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s